terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Coração Maldito

Eu não vou mais amar você. Não vou mais me perder em sonhos que não irão se realizar. Não vou mais amar você. Coração maldito está me escutando? Não irei mais amar. Estou fechada no meu mundo de tristeza e solidão e assim irei permanecer. Não quero amar. Não quero sofrer. Vá embora. E me deixe partir também. Cansei das suas mentiras ou meias verdades. Estou fugindo de você, Estou fugindo de mim mesma. Coração maldito!!! Enganador e apaixonado. Irei arrancar-te do meu peito. Serei algo ou alguém sem coração. Para que ele serve afinal de contas? Como órgão do corpo humano ele bombeia sangue para o cérebro. Então essa será a única função desempenhada por ele. Nada de sonhos fantásticos ou arrebatadores. Sempre acordo na cama vazia e com lágrimas nos olhos. Chega dessa palhaçada.  Nada disso é real certo? Então encaremos a realidade de uma vez por todas. Nada de amor, nada de esperanças infundas. Pés no chão. Olhos voltados para a estrada à frente. O que não aconteceu está no passado e a ele pertence. Caminhar sempre. Não voltar os olhos para o passado. Não sonhar com o que não aconteceu. Se fechar em si mesmo essa é a resolução. Dessa vez terá de ser assim. Tenho de ser forte!!



Nenhum comentário: