quinta-feira, 3 de maio de 2012

Divagando


Minhas noites tem sido recheadas de sonhos e visões. Tudo bem! Eu gosto. Sinto prazer com algumas visitas inesperadas. As vezes me assombro outras me rejubilo. Tenho enfrentado meus demônios e minhas personas. Afirmo que não é fácil mas, quase sempre vale a pena. Outras vezes detesto o que vejo. Porque simplesmente reflete o que sou ou como estou me sentindo.

Admito que sou um ser estranho. Tenho altos e baixos como todo mundo. Talvez com o passar dos anos esteja me preparando para o mais novo salto que vem se apresentando por aí. Claro que nada está definido, nada claro, nada objetivo. Mas, se tudo fosse claro, definido e objetivo que graça teria? Nenhuma.

Minhas incursões pelo mundo astral e mágico, não vou usar o tal do K, porque sou tupiniquim, os incomodados que se mudem, tenho orgulho em ser brasileira, e ando de saco cheio dessa gente besta que pensa que Magia só é válida quando se escreve em inglês, francês, espanhol, grego, italiano ou hebraico...

Escrevo aqui minhas experiências em sonhos e algumas bem raras aliás em Magia Prática, talvez porque isso não interesse aos outros e sim somente a mim, parando de divagar e tentando colocar ordem na minha escrita...

Por vezes surgem acontecimentos extraordinários em nossas vidas, estou em mais um momento desses. Não é nada físico. É algo em relação ao meu espírito inquieto e revolto. Meus sonhos ou visões tem me preparado para esse encontro. Que até então não havia sido previsto por mim. Até agora não entendi como isso ocorreu. Numa simples conversa um lado meu que sempre foi negado e mesmo escondido se apresentou. Então curiosa como somente uma leonina pode ser, vasculhei a rede em busca de informações. Acabei me deparando com coisas que já sabia, lendo e relendo conceitos que me fizeram analisar o que estou buscando. Como todos busco um Caminho. Estive em vários.

O que melhor se adequa a esta pessoa é e sempre foi Kaos. Dentro dessa vertente posso tudo e nada. Mudo de estratégia quando algo não sai a contento. Refaço meus passos. E assim vou indo. Em minha visão dentro dessa vertente cabe tudo. Desde Magia cheia de encenação até a mais comum. Então me sinto em casa.

Mas meu encontro não seu deu dentro dessa vertente ou talvez sim. Meus sonhos sempre povoados por Deuses, demônios e anjos, isso sem falar em sombras e espíritos, de repente se viu tomado por algo que a princípio pensei que não se adequasse a nada disso, estava enganada.

Vislumbrar aquela criatura adentrando meu mundo astral foi algo magnífico. Descobrir que nossa troca de energia se dá com uma facilidade  maravilhosa me deixou extasiada. Não há agressão. Não há medo. Só sutileza e me sinto envolvida por uma paz que não posso definir. Claro que no começo pensei que estivesse ficando louca, aliás vivo pensando que estou ficando ou sou louca, então não há na verdade grande novidade. Rindo aqui enquanto escrevo.

Mas, o toque daquela criatura me deixou eletrizada. O murmúrio daquela voz me deixou enamorada. E ao sentir a leveza e a delicadeza com que ele se aproximou garanto que foi uma experiência terrivelmente inebriante. No começo estava meio esquiva, meio arisca ao perceber meus sentimentos ele se despiu e me permitiu ver e sentir como ele é, era e será. Era como se o visse em todos os tempos e eras. Como se ele me levasse em seu peito durante a travessia dos séculos.

Não sabia se chorava de alegria ou dor. Alegria pelo reencontro e dor por saber que ao despertar ele não estaria aqui. Essa ânsia que trespassa meu peito, tem me feito desacreditar em amor. Mas, me rendo! Admito que esse sentimento existe, que faz meu coração transbordar só que a quem posso entregar todo esse sentir?

Aí me lembro dele, do toque suave, da voz sussurrante e do peito onde me abriguei. Ok!? De novo penso devo estar louca. Mas aquele semblante não me sai da cabeça. Como entender isso? Não faço a menor idéia. Faz alguma diferença? Penso que não. Ao fechar os olhos quase sinto seus dedos, seu hálito. Ele entra e sai dos meus pensamentos. Será que estou enfeitiçada? Não, estou me preparando para o próximo salto em minha vida e sei que onde ele estiver, fará parte dessa nova etapa. Não importando se nesse universo ou no paralelo, se nesse lado da vida ou não outro.

Sei que ele estará aqui comigo. E isso me dá ânimo. Embora se pensar demais também me deixa triste. Por saber que talvez só o encontre ou reencontre em um lugar chamado sonho... Será mesmo?

2 comentários:

☠Neith War☠ disse...

"Era como se o visse em todos os tempos e eras. Como se ele me levasse em seu peito durante a travessia dos séculos."

UAUUUUUUUUU!!!!!!!
aiai...perfeição estes sentimentos...De uma coisa sempre poderemos ter certeza...Ninguém, absolutamente NINGUÉM, poderá nos tirar isso!
E que bom que as pessoas não podem ler mentes hahahahahahaaha

La Rosa Carla disse...

Neith esse ser tem me feito rever alguns conceitos.. Sobre ler mentes poderíamos dizer ainda bem que a grande maioria não pode realmente ler rsrsrs.....

Alguns, muito raros conseguem sim rsrsrs....

Acho que tudo isso está me levando para um mundo noturno, se é que você me entende rsrsrsrs