domingo, 28 de agosto de 2011

Questiona-mes

Questiona-mes mas como te falar, te contar tudo que me vai pela mente. Ao ouvir tua voz sou transportada a um lugar onde não há tempo, espaço. Só nós dois. Onde me entrego sem reservas, abro minha mente e meu corpo para que faças o que quiseres. Mexes com meus instintos e desejos mais devassos, aqueles praticamente inconfessáveis. Ouvindo tua voz tenho que me contar para que não te implorar: Foda-me! Tenho que ter em mente que estou num lugar público, onde pessoas vão e vem, tenho que manter as mãos longe das minhas coxas. O corpo arde de desejo, um desejo tão louco que somente VOCÊ poderia saciar. Paro. O que estou fazendo. Como estou indo para esse abismo sem ao menos pensar duas vezes. Gosto do perigo mas VOCÊ é dinamite pura. Minha vulva está encharcada, os seios duros pedindo, implorando pelo teu toque, pela tua língua, minha boca está seca e minha cabeça em polvorosa simplesmente em pensar que me olhas, que me observas esperando meu próximo movimento. Recuo, tento respirar e me digo: Cuidado!! Ele é um predador, um tarado, um sacana, um sádico. E dou mais um passo, abro os braços e me jogo nesse abismo que é VOCÊ. Não quero freios que não sejam seus. Não quero mãos que não sejam as suas. Quero um pau, mas quero o seu dentro de mim, me inundando, me currando, assim me sentirei fêmea. Estou aqui entregue e de olhos abertos...

2 comentários:

MestreDosDesejos disse...

Lindos e saborosos desejos vejo em você!

yasmin so yasmin disse...

Obrigada Mestre dos Desejos...

Nesses posts sou eu me desvendando um pouco a cada um deles...