segunda-feira, 7 de março de 2011

COMEÇO





Vamos começar de novo, esse é o terceiro ou quarto blog que inicio. A necessidade de escrever é maior do que eu. Nem sei bem porque, talvez para exorcizar meus demônios ou coisa assim.
Como sou muito observadora há momentos em que preciso extravasar o que vejo, ouço e sinto de alguma maneira e a unica que encontro é escrevendo. Perdi praticamente todas as minhas poesias, prosas e contos. Isso me entristeceu muito até porque alguns foram escritos a mais de vinte anos, mas como nada na vida é perfeito eles simplesmente evaporaram no caos virtual. Como não desisto estou eu novamente começando um tipo de diário ou seja lá o que acontecerá aqui. Esse canto será usado para postar meus medos, demônios, bestas, iras, amores, desamores ou seja tudo enfim. Se esperam ler algo do tipo diário mesmo esqueçam. Nunca consegui escrever um nem mesmo quando adolescente, nunca tive paciência para tanto. Aqui "falarei" de magia, de história, de emoções, misturarei tudo em um enorme caldeirão onde sempre caberá algo mais. Por vezes nem eu mesma entenderei o que aqui estará escrito, explico muitas vezes só sei o que escrevo depois de terminar e isso quando entendo. Então não fiquem pasmados, afinal sou considerada um pouco fora do normal, mas o que será normalidade?? O que consideramos realidade será mesmo real? Quais mundos são fictícios e quais existem mesmo? Nós chamados humanos seremos mesmo isso? Ou seremos centelhas que viajam anos luz para um dia se reintegrarem ao cosmo? Ou tudo isso não passa de mais uma manifestação de Maya? Quem poderá responder a tantas perguntas? Eu com certeza não, já que não consigo responder direito quem sou eu...

Nenhum comentário: